Vantagens da pregação expositiva, de acordo com os professores do Pregue a Palavra



Quais são as vantagens da pregação expositiva? Vários autores têm apontado para as vantagens da pregação expositiva. Karl Lachler[1] alista uma série delas. Aqui estão algumas: (1) Livra o pregador da tarefa dúbia de inventar temas para a pregação a cada domingo; (2) O pregadores expositivos apresentarão temas que emanam naturalmente do texto bíblico, que de outra forma seriam negligenciados; (3) A Palavra de Deus age de forma específica a diferentes ouvintes; (4) Diminui o desenvolvimento de ideias heréticas; (5) Reaviva toda a dinâmica da igreja.


Em acréscimo a estas, Bryan Chapell[2] afirma que a pregação expositiva apresenta o poder, a autoridade e a operação do Espírito. Para Hernandes Dias Lopes[3], como a pregação expositiva tem o compromisso de explicar a Palavra de Deus, a exposição dá ao pregador a liberdade de ser fiel em vez de ser bem-sucedido.


Estas são apenas algumas vantagens da pregação expositiva, dentre outras, que têm sido ressaltadas por alguns autores. Desafiamos os professores do Pregue a Palavra a destacar uma vantagem da Pregação expositiva que tem percebido em sua igreja. Confira abaixo:


1- A pregação expositiva ressalta que a autoridade é de Deus e não do pregador


Uma vantagem da pregação expositiva é o que chamo de “patenteamento”. Significa afirmar que o pregador está absolutamente imbuído da autoridade Divina e não sua, isto é, com a PATENTE (permissão) para falar do próprio Deus. Logo, nessa perspectiva, os resultados de sua exposição não são propriamente seus – embora isso não elimine a importância de um trabalho diligente e primaz, mas do próprio patenteador, ou outorgador da autoridade do sermão.


Pr. Francisco Lima.

Primeira Igreja Batista de Santo Antonio de Jesus/ Santo Antonio de Jesus-BA


2- A pregação expositiva trata o coração


Tenho visto mudanças de vida que nunca imaginei, de pessoas que passavam por lutas e que a pregação fiel e expositiva fez saltar destes corações suas reais motivações e dores da alma. Não temos poder para acessar o coração de ninguém a partir de nossa sabedoria, mas é para o coração que devemos focar nossa pregação, exortando-os a viverem para a Glória de Deus e somente a Palavra de Deus possui este poder, sabedoria e a correta dieta para um coração rebelde e pecador. Por isso somos chamados a Pregar a Palavra com fidelidade e devoção.


Pr. Lázaro Layson Guimarães Oliveira

Igreja Batista da Graça/Campina Grande-PB


3- A pregação expositiva aponta para Cristo


A pregação expositiva tem sido eficaz em nos fazer compreender o assunto principal de toda Escritura, JESUS CRISTO. É maravilhoso poder ver e, junto com a igreja, compreender como o texto em exposição apresenta ou aponta para a pessoa de JESUS CRISTO, sua graça, seu amor, suas ordenanças, suas promessas e etc. É uma tarefa que exige esforço, mas é gratificante, ao final, ouvir irmãos dizendo como nosso SENHOR é maravilhoso na revelação de Sua Palavra.


Pr. Gilson Mota,

Segunda Igreja Evangélica Batista de Araraquara/ Araraquara-SP


4- A pregação expositiva expõe a Palavra de Deus


Porque quando não era pastor, ia à igreja para ouvir a voz de Deus e não de homens! Porque Deus fala mais e o homem fala menos. Porque a Palavra de Deus protege os ouvintes do pregador. Porque Deus governa seu povo por Sua palavra! Porque a Palavra de Deus é o martelo que despedaça a rocha e não minha oratória. Porque é a Palavra de Deus que ilumina e não minhas técnicas motivacionais. Porque é a Palavra de Deus que quebranta e não meu rosto sisudo ou quão estridente é minha voz. Porque é a Palavra de Deus que consola os aflitos e não minhas ilustrações em tom fúnebre. Porque a transformação ocorre através da Palavra e não de meus insights. Porque a fé vem por ouvir a Palavra e não meus conceitos. Porque ao final do culto quando alguém diz: “Deus falou comigo!”, não tenho do que me orgulhar, apenas louvar! Porque depois de ter pregado a Palavra de Deus, por causa da graça de Deus, o Espírito Santo de Deus ter ministrado e o povo de Deus ter sido apascentado... Deus é glorificado!


Pr. Onéias Pereira

Igreja Batista do Farol/São Luís-MA.


5- A pregação expositiva auxilia a Igreja a ouvir a Deus


Fiz uma pergunta ao grupo de líderes em nossa igreja, aqui em Angra dos Reis, RJ sobre o valor da pregação expositiva em nossa igreja. Dentre as respostas que eu consegui quero destacar uma: “Primordial, esclarecedora, completa, autêntica!!! Não consigo mais imaginar uma mensagem que não seja expositiva”. Essa fala diz mais do que eu poderia descrever em outras palavras neste momento. A pregação expositiva é simplesmente tudo o que uma congregação precisa para ouvir a Deus, e não apenas ouvir de Deus.


Pr. Ezequias Amancio Marins,

Igreja Batista Central em Japuiba/Angra dos Reis-RJ


6- Pregação Expositiva contribui para a formação de uma cosmovisão sadia


Na atualidade, o que mais se vê são equívocos doutrinários, analfabetismo bíblico e uma visão enfraquecida ou pobre das Escrituras. Por essa razão, a exposição bíblica para a Igreja Batista do Redentor tem sido o remédio para fortalecer a visão que antes anuviada, agora encontra-se nítida e em crescimento por meio de projeto sequencial do texto bíblico. A exposição bíblica tem contribuído para formar ou reformar a visão cristã da igreja dando a ela uma visão mais completa das Escrituras ajudando na compreensão de sua unidade e mensagem.


Pr. Ricardo Luiz Fiorotto

Igreja Batista do Redentor/ Jundiaí-SP


7- A pregação expositiva ensina a Igreja local a ler a Bíblia


Uma das características mais marcantes de um sermão expositivo é o fato de que aquilo que o pregador diz aos que lhe ouvem procede da Escritura, e não de suas estratégias de oratória ou de sua própria sabedoria. Isso porque o pregador lê, explica e aplica o texto bíblico. Logo, de modo natural e exemplificado na prática, o pregador está tão somente demonstrando e ensinando a seus irmãos como ler a Bíblia em casa. Ao verem o que faz o pregador, os irmãos irão reproduzir em sua vida devocional a mesma prática, entendendo que podem (e devem) ler a Bíblia por si mesmos e que é possível compreendê-la em casa. Além disso, entenderão a igual importância do trabalho dos obreiros que foram separados exclusivamente para o estudo da Escritura, uma vez que perceberão também o preenchimento de possíveis lacunas de entendimento que ficaram em suas próprias leituras do texto, mas que foram clarificadas pelo pregador que profundamente mergulhou na passagem. E, assim, pregador e congregação estarão juntos, de mãos dadas, na jornada de leitura, entendimento e aplicação prática da Palavra de Deus


Pr. Marcus Vinícius

Igreja Batista Cristã/Natal-RN


8- A pregação expositiva instrui a Igreja quanto ao papel prioritário do pastor.


Ao longo de 14 anos, a igreja que pastoreio ouve mensagens expositivas em sequências. Observo que ela tornou-se muito exigente e criteriosa, especialmente porque aprecia um conteúdo que seja consistente e coerente com a teologia bíblica. A grande vantagem de tudo isso é que a igreja adquiriu uma consciência razoável de que o pastor deve gastar boa parte do seu tempo preparando seus sermões e estudos.


Pr. Wagner Ferreira

Primeira Igreja Batista de Cambuí/ Cambuí-MG

Ministério Pregue a Palavra


Referências:


[1] LACHLER, Karl. Prega a Palavra. Passos para a pregação expositiva. São Paulo: Vida Nova. p. 53-62.

[2] CHAPELL, Bryan. Pregação Cristocêntrica. São Paulo: Cultura Cristã. p. 23,24.

[3] LOPES, Hernandes Dias. Pregação Expositiva. São Paulo: Hagnos. p. 147.


#pregaçãoexpositiva

376 visualizações

Prega a Palavra, insiste a tempo e fora de tempo, aconselha, repreende e exorta com toda paciência e ensino

2 Timóteo 4.2

© 2017 por Ministério Pregue a Palavra
R. Santo Rosa, 96 - Jardim Alvinópolis, Atibaia - SP - Brasil, 12943-050

Secretaria: (11) 4412.6679

  • Facebook Clean
  • White YouTube Icon